terça-feira, 6 de setembro de 2016

♥ “NA CASA DO RIO VERMELHO - O amor de Zélia e Jorge”‏ ♥ Unica Apresentação dia 10/09 ♥ BA ♥



“Na Casa do Rio Vermelho – O amor de Zélia e Jorge”





Integrando a programação especial de primavera do Sesc 70 Anos, a peça teatral “Na Casa do Rio Vermelho – O amor de Zélia e Jorge”, com direção e texto de Renato Santos e interpretação de Luciana Borghi, terá única apresentação, Sábado (10/09), às 19:30, com Participação Especial do Afoxé Obá de Xangô.

Após apresentações compactas em comemoração ao centenário de Zélia Gattaí no Memorial Casa do Rio Vermelho e na Fundação Casa de Jorge Amado, e curta temporada no Teatro Modulo, o público poderá aplaudir a versão integral do espetáculo no Teatro Sesc-Senac Pelourinho.

A vida do casal Zélia e Jorge é uma aula de história do Brasil, pois ambos fomentaram a cultura de uma forma bem distinta, ele com uma linguagem particular e pitoresca em seus romances que confundem ficção com verdade, e ela, uma autora memorialista, que passeia tanto entre os fatos de um país em construção, como em sua vida ao lado de Jorge Amado na Bahia e no mundo. Mesmo sendo perseguidos e exilados, sempre valorizaram as relações afetivas que vai de Sartre a Neruda, entre tantas personalidades artísticas.

A construção da peça é composta por fatos relatados pela vida e obra de Zélia Gattai, que vira personagem da sua própria história, e tudo acontece num simples momento em que ela vai se despedir sozinha da casa do Rio Vermelho.

A direção de Renato Santos, prima por uma forma bem naturalista na encenação. A preparação da atriz Luciana Borghi, baseia-se na busca emocional e musical da memória de Zélia. Luciana e Renato se mudaram para Salvador onde intensificaram a pesquisa, que já se debruçam há alguns anos.

O espetáculo é permeado por músicas de Dorival Caymmi, Vinicius de Moraes, Harry Belafonte, amigos de Jorge e Zélia, entre outros gêneros musicais que formam a principal trilha sonora deste romance.

A música será executada ao vivo, pelos experientes músicos baianos, Daniela Penna (percussão) e Eduardo Brandão (violão), como uma personagem que dialoga com as histórias que costuram a narrativa.

O figurino criado originalmente pela estilista Goya Lopes integra o mundo de arte que vivia a autora.

Zélia influenciadora de várias gerações de mulheres brasileiras, considerada uma das melhores escritoras memorialistas, nos presenteia com suas fotos e memórias, criadas com força e doçura.

O espetáculo “Na Casa do Rio Vermelho – O Amor de Zélia e Jorge” terá única apresentação no Teatro Sesc-Senac Pelourinho e seguirá para o Rio de Janeiro e São Paulo.


Luciana Borghi interpretando Zélia Gattaí


SERVIÇO

Na Casa do Rio Vermelho – O Amor de Zélia e Jorge

Texto e Direção: Renato Santos / Interpretação: Luciana Borghi
Participação Especial: Afoxé Obá de Xangô
Sábado (10/09/2016), às 19:30, Teatro Sesc-Senac Pelourinho
Ingressos: R$ 10,00 (inteira) e R$ 5,00 (meia)
Informações: (71) 3324 4519 / 4529


À NE PAS MANQUER !!!



Nenhum comentário:

Postar um comentário